Matéria da Revista Cabeleireiros.com - Edição 33

ImprimirBeleza e educação

Avalie: 12345

Jon SantosA trajetória profissional do hairstylist português Jon Santos mostra que ele é um cidadão do mundo. Responsável pela expansão das academias da rede Toni & Guy em Portugal, na Espanha e no Japão, ele começa, em 2009, sua carreira solo. Às vésperas de inaugurar uma academia que leva o seu nome, Jon recebeu a Cabeleireiros.com com exclusividade para falar sobre moda, beleza e educação

Cabeleireiros.com: Como você vê o mercado de moda e beleza no Brasil?
Jon Santos: Nas Américas, os principais polos fashion são Nova York, Los Angeles, Montreal e São Paulo. Vejo que as brasileiras estão atualizadas. É só caminhar pela Avenida Paulista para perceber a semelhança entre as pessoas que passeiam por lá e as que andam em outros centros de moda. São Paulo é uma metrópole, um centro de criatividade na América Latina. Aqui, o profissional é quente em temperamento e na maneira de falar  e de viver. Muita gente da América Central tem bebido nessa fonte. No restante das Américas, moda não é uma preocupação.

C.C.: Como está se comportando o mercado inter-nacional neste segmento?Barbie Doll Colour
J.S.: As criações do mercado de moda e beleza acontecem em Londres e Paris, os “berços” da alta costura e do estilismo de cabelos. Nesses locais, marcas renomadas como Jean Paul Gaultier, Dolce & Gabbana e Vivienne Westwood trabalham com o conceito de forma que vai ser usado em cada estação, definindo designs arredondados ou geométricos. Depois cada profissional cria dentro dessa premissa. Em Milão, as grandes marcas importam profissionais dos principais colégios de moda da Inglaterra e da França. Tóquio é o maior mercado de consumo, junto com Nova York.
 

Deixe um comentário:



Buscar

Notícias

Newsletter

Assine e receba as novidades da revista em primeira mão.



Publicidade


Revista Cabeleireiros.com

Login Cadastre-se