Matéria da Revista Cabeleireiros.com - Edição 12

ImprimirBoas maneiras é tudo!

Avalie: 12345

Educação é tudo, sempre! Ter educação é fundamental e todos gostam. Tanto que, todos deveriam seguir regras de etiqueta e relacionamento, na hora de atender os clientes. Para garantir o sucesso de seu salão e garantir a fidelidade de sua clientela, ressaltamos erros que não devem ser cometidos no exercício da profissão.

Para garantir a fidelidade do cliente é essencial padronizar e melhorar o atendimento. Assim, você garante credibilidade e será um profissional sempre respeitado. Por isso, para evitar problemas no futuro conheça o perfil de alguns profissionais, que existem no mercado, e o que fazer para que o cliente não perca a confiança em você, como profissional cabeleireiro.

Podemos classificar alguns profissionais assim:

• O clássico
• O das tendências
• O preguiçoso
• O contador de histórias
• O negativo
• O cifra

Você sabe que o cliente, antes de procurar um salão, procura referências sobre o trabalho e atendimento do cabeleireiro. Este é o motivo de investir em educação, com serviços de qualidade, para atrair a clientela. Portanto, crie seu estilo com características e objetivos para conquistar seus clientes.

Para todos os perfis citados existem receitas de sucesso. Vamos começar pelo profissional clássico, aquele que não aceita mudanças. Ele insiste no clássico, tradicional, e afirma: seguir tendência não é tudo. O remédio para ele? Atualização. E um lembrete: todo cliente morre um dia e se você não tem novos clientes, você morre junto.

Já o que gosta de seguir tendências, não analisa o rosto do cliente, e nem pergunta o que ele pretende mudar, também corre um sério risco. Ele só quer usar a tendência do momento, independente da idade do cliente. O que acontece? Muitas vezes encontramos uma senhora de 60 anos, com um cabelo louro na raiz e reflexos vermelhos nas pontas. A coitada mais parece um espantalho e só o autor da obra acha lindo. O que ele precisa fazer? Não seguir apenas as tendências, mas analisar e discutir com o cliente o tipo de look mais adequado.

O preguiçoso é fogo! Quando entra um cliente ele some. Demora 10 ou 15 minutos para atender, pois pensa que se estiver disponível irão achar que ele não trabalha bem. E quando aparece, manda logo lavar o cabelo, corta e diz que está ótimo e não precisa mudar nada. A receita? Acordar cedo, fazer ginástica e não sair à noite, pois festa para cabeleireiro só nas noites de sábado e domingo. Com esta “medicação”, se dedicará mais à profissão e se sentirá estimulado para trabalhar.

Com tanto assunto, o contador de histórias não consegue trabalhar direito. Ele tem o dom de encantar e seduzir os clientes com as suas histórias, que são as mesmas para todos. No dia em que descobrirem que ele conta a mesma coisa, acabou! Esse tipo de cabeleireiro deve saber diferenciar as pessoas oferecendo um atendimento personalizado, informando o que realmente fica melhor em cada cliente.

E o negativo? Para este nada está bom. Transforma fatos em tragédia, reclama de tudo e só sabe lamentar, questionando: onde vamos parar? Que mundo é este? E outras indagações do gênero. Aliás, ele nem permite respostas! Enquanto trabalha enche a cabeça da cliente com fatos desagradáveis. Até o produto, que para ele já foi melhor, não escapa de seu pessimismo. Sinceramente, não sei se existe um remédio eficaz para este colega. Além de levantar mais cedo, fazer caminhadas, ele deve procurar um analista e tentar mudar o temperamento para conseguir exercer a profissão.

Cifra o nome já diz: dinheiro! Ele chega e vai logo consultando a agenda pensando no quanto vai lucrar com cada cliente. Calcula o que irá fazer, e quanto irá cobrar. Não se preocupa se o cliente voltará, ou não, pois para ele o que importa é o dinheiro. Só que, se continuar trabalhando assim, em breve não terá clientes nem dinheiro. Este profissional precisa tomar o remédio do investimento, para garantir o retorno da clientela. Como? Não executando todos os serviços no mesmo dia e indicando outros, para o mês seguinte. Com isso estará garantindo o retorno dos clientes e a sua credibilidade como profissional.

Para concluir, pense se você se enquadra em algum destes perfis. Se encontrar alguma característica em comum, tome os remédios indicados, com urgência, para evitar problemas e constrangimentos desnecessários. A receita de sucesso é indicada para todos os profissionais que querem continuar exercendo a profissão, com clientes e reconhecimento.

Deixe um comentário:



Buscar

Notícias

Newsletter

Assine e receba as novidades da revista em primeira mão.



Publicidade


Revista Cabeleireiros.com

Login Cadastre-se