Matéria da Revista Cabeleireiros.com - Edição 30

ImprimirO que fazer nos cabelos?

Avalie: 12345

Entrevista Alberto (2)Saiba o que há de verdadeiro em algumas crendices relacionadas à manutenção dos cabelos

Alberto Keidi Kurebayashi (vice-presidente técnico da Associação Brasileira de Cosmetologia)

Nesta edição, irei esclarecer alguns mitos relacionados aos cabelos. Os animais têm as funções dos pêlos claramente definidas. É vital que eles tenham exatidão no comprimento, na densidade e na coloração, pois estas características agem diretamente na camuflagem, ajudam a atrair uma fêmea e podem definir a posição na escala hierárquica dentro de um bando. E nos humanos? Como os pêlos são percebidos? Qual sua função e importância?

Sabemos que as madeixas têm grande importância psicológica e social na vida das pessoas. Os cabelos são a moldura do rosto, e não há dúvida da importância dada a eles e aos cuidados que diariamente são dispensados na lavagem e no tratamento. Muito mais do que uma proteção, os fios são um meio de expressão. Por isso, buscamos um modo de estilizá-los, seja nas cores aplicadas, nos processos químicos (alisamento, relaxamento, descoloração, permanente etc), seja em cortes e penteados. Confira algumas crenças populares:

É necessário aplicar o xampu duas vezes para uma boa limpeza dos cabelos.
Nem sempre. A lavagem inicial remove cerca de 70% da sujeira, mas faz menos espuma por causa, principalmente, dos resíduos oleosos do couro cabeludo. Na segunda lavagem, existe espuma abundante e sensação de uma lavagem eficiente e adequada.

Nesse quesito, o xampu precisa ser balanceado; pois, se for demasiadamente forte, com alto teor de tensoativo, poderá limpar em excesso e causar incômodos, como coceira, vermelhidão, caspa e até queda de cabelos. Os fabricantes de bons produtos levam em conta o costume das pessoas de aplicar o xampu duas vezes. Certa vez uma empresa lançou um cosmético mais concentrado, cuja eficácia na lavagem era obtida com a aplicação de uma pequena quantidade. Mesmo informando o modo de uso no rótulo, o hábito do consumidor de aplicar duas vezes prevaleceu, e o que se observou foi uma avalanche de reclamações sobre ressecamento dos cabelos, falta de brilho, coceira e caspa. Conclusão: o produto foi descontinuado.

Faz mal lavar os cabelos todos os dias.
Se forem utilizados xampu e condicionador balanceados, não há problema algum. Aliás, a higienização diária é
indicada para quem vive em uma metrópole poluída.

Quanto mais viscoso o xampu, mais concentrado ele é.
Esse é um grande mito. Um xampu pode ser de alta qualidade mesmo apresentando uma viscosidade baixa ou ser mais espesso e com má qualidade. A velocidade de subida da bolha de ar ao se virar o frasco não indica a qualidade do produto, mas seu grau de fluidez. Isso está relacionado apenas ao uso, em maior ou menor quantidade, de agentes espessantes.

A viscosidade e a fluidez do xampu são selecionadas pensando-se na praticidade: se o produto for muito líquido, escorrerá por entre os dedos; caso seja muito viscoso, poderá atrapalhar a aplicação nos cabelos. Assim, não se deve diluir um xampu por achar que ele é concentrado. Além de alterar suas características e o balanço da formulação, sua ação conservante será diluída, e o xampu pode ser atacado por microrganismos que poderão causar irritação no couro cabeludo, caspa, vermelhidão e queda de cabelos.

A caspa é contagiosa.
Não há nenhum estudo que suporte esta afirmação. A caspa não é transmissível e, mesmo que a escova de uma pessoa com caspa seja usada, não há o perigo de contraí-la, pois ela é um problema particular de cada indivíduo. Suas causas se relacionam com o uso de cosméticos desbalanceados, estresse, entre outros fatores.

Lavar os cabelos na menstruação provoca cólicas. Não se deve lavar os fios até um mês após o parto.
Antes, essas crenças eram fortes apenas na zona rural, mas tenho certeza de que você já ouviu alguém, até mesmo com certo grau de instrução, falar nesses mitos. Menstruada ou não, a mulher deve manter a higiene dos cabelos. Após o parto, nada melhor do que tomar um banho e ficar de cabelos limpos e cheirosos para curtir o filhinho. Lembre-se de que o recém-nascido reconhece a mãe pelo olfato. E com certeza ela não gostará de ser reconhecida pelo mau odor dos cabelos, não é mesmo?

Na próxima edição, falarei de outros mitos. Colocar vitaminas e anticoncepcionais no xampu acelera o crescimento dos cabelos? Fazer escova estraga os fios? Vinagre faz as madeixas brilharem? Dormir com os fios molhados apodrece a raiz? 100 escovadas por dia estimulam o crescimento dos cabelos? O cloro usado em piscinas deixa os cabelos loiros com um tom esverdeado?

Um abraço e até a próxima

 

Deixe um comentário:



Buscar

Notícias

Newsletter

Assine e receba as novidades da revista em primeira mão.



Publicidade


Revista Cabeleireiros.com

Login Cadastre-se