Matéria da Revista Cabeleireiros.com - Edição 41

ImprimirO salão está no vermelho. E agora?

Avalie: 12345

gerenciamento (1)Deixe o desespero de lado e invista em estratégias comprovadas para levantar as finanças e o ânimo do seu estabelecimento

Texto: Osvaldo Alcântara (consultor de negócios)

Se você percebeu que as cadeiras do seu salão de beleza andam vazias, mas a pilha de contas está cada vez maior, é hora de tomar cuidado. Deixe o desespero de lado e verifique por que está no vermelho. Faça um levantamento de condutas e atitudes dos profissionais e pergunte para os clientes o que eles acham dos serviços e do atendimento, já que essa observação é de extrema importância.

Também se questione: a concorrência está “engolindo” seus clientes ou o seu salão está oferecendo mais do mesmo para eles? Geralmente, falta de ideias e de lançamentos e a ausência de profissionais com vontade de trabalhar são as principais causas do afastamento dos clientes.

Veja também se aquele cabeleireiro contratado a peso de ouro está dando o retorno esperado. Além de não trazer clientes, ele pode tentar agradar alguns deles com tratamentos gratuitos. Confira quantas clientes novas ele conquista e o material que gasta. Se for “gastão”, quanto mais atender, mais o salão vai estar encrencado.

O que fazer?
Para estabilizar as contas, não existe milagre. Após verificar por que ocorreu o déficit, é hora de conter o ímpeto de baixar os preços. Preço baixo não assegura clientes. O que os garante é bom atendimento e excelência no serviço. Coloque em prática algumas alternativas

Galeria de fotos:

  • gerenciamento (1)
  • gerenciamento (2)

Deixe um comentário:



Buscar

Notícias

Newsletter

Assine e receba as novidades da revista em primeira mão.



Publicidade


Revista Cabeleireiros.com

Login Cadastre-se