Matéria da Revista Cabeleireiros.com - Edição 52

ImprimirPergunte ao expert

Avalie: 12345

pergunte_ao_expert (1)Tire suas dúvidas sobre técnicas, produtos e assuntos relacionados ao mundo da beleza

fotos: Andrew O'Toole e A. Abei

Intervalo dos tratamentos
Qual é o período mínimo entre uma selagem térmica e uma escova progressiva?
Josiane Pereira

Se considerarmos que as progressivas mais modernas são as isentas de formol e a selagem térmica é um tratamento, não há período mínimo de intervalo. Pode-se fazer a selagem sempre que for necessário cuidar dos cabelos. Algumas progressivas já tratam os fios, mas o foco delas é a transformação capilar temporária. Já a selagem é direcionada para o fechamento das cutículas, o que é sempre bem-vindo!
Marcelo Rogério, técnico master da Avlon do Brasil

Verde, não!
Tenho os cabelos grisalhos e utilizei um alisamento à base de guanidina. Como resultado, eles ficaram verdes. Por quê? Há algum produto indicado para cabelos grisalhos?
Jose Luís

Durante o processo de alisamento, o cabelo sofre uma dilatação em suas cutículas, tornando-se instável. A guanidina quebra as pontes de enxofre que estruturam o fio, deixando as madeixas suscetíveis às reações químicas do produto. Como os cabelos brancos não possuem melanina, essas reações químicas, além da influência dos produtos utilizados no tratamento da água (hipoclorito de sódio e sulfato de cobre), podem revelar um aspecto esverdeado ou azulado no momento do enxágue.

Tal característica não é específica do cabelo branco. Os fios loiros, que também sofrem a ausência de pigmentos naturais ou não, também estão propensos a essa reação. Nesses casos, indico os produtos à base de tioglicolato, que não interferem na cor da cabeleira.
Cristiano Veras, cabeleireiro do Nuance Beauty Salon

pergunte_ao_expert (2)Cabelos desobedientes
Meus cabelos estão "estufando". Nem a chapinha consegue deixá-los lisos; ao contrário, parece que, com o calor, o problema se agrava. Estou pensando em fazer uma escova definitiva, mas tenho receio porque meus fios não apresentam ondas. Como resolver o problema?
Luna P. Flores

Vários fatores podem deixar os cabelos estufados, por exemplo, problemas hormonais, falta de corte e, principalmente, ausência de vitaminas e nutrientes que precisam ser devolvidos com a reconstrução capilar ou a nanoqueratinização.

Antes de pensar em químicas, como o alisamento definitivo, é preciso reintegrar aos cabelos aminoácidos, óleos essenciais e queratina perdidos. Indico duas ou três sessões dos processos citados e, depois, um teste de mecha para avaliar as condições dos fios. Se ainda não estiverem como você deseja, opte pela escova progressiva sem formol à base de proteínas ácidas, já que a escova definitiva é uma química mais forte e exige um cabelo relativamente saudável para ser realizada.
Gisele Quintino, técnica master da Truss Cosmetics

Confira também:

Escova de verniz

Deixe um comentário:



Buscar

Notícias

Newsletter

Assine e receba as novidades da revista em primeira mão.



Publicidade


Revista Cabeleireiros.com

Login Cadastre-se