Matéria da Revista Cabeleireiros.com - Edição 43

ImprimirRapunzel versão 2011

Avalie: 12345

enrolados (2)Em Enrolados, Disney retoma a história da princesa com os cabelos mais compridos e famosos dos contos infantis

texto: Eder Garrido | fotos: divulgação

“Rapunzel, jogue as suas tranças...”. Há décadas, crianças, jovens e adultos ouvem essa frase, dita pela bruxa Gothel, que aprisiona em uma torre uma das princesas mais famosas das histórias infantis. Criada pelos irmãos Grimm, Rapunzel é a fábula que tem em sua personagem principal o xodó dos cabeleireiros. Afinal, ela tem uma imensa trança.

Foi adaptando essa história que os estúdios Disney criaram Enrolados, filme que conta com uma linda e loira Rapunzel, que vive em uma torre da qual é proibida de descer por aquela que acredita ser sua mãe – uma feiticeira que se recusa a envelhecer e que a sequestrou quando ainda era bebê por conta dos poderes de cura e revitalização de suas madeixas Prestes a completar 18 anos, ela vê sua sorte mudar quando cruza seu caminho o jovem Flynn Rider, um ladrão procurado pelos guardas reais por ter roubado a coroa da “princesa perdida”. Após aprisioná-lo em seu guarda-roupa (uma das sequências mais engraçadas da trama) e esconder o objeto que ele tinha roubado, ela lhe oferece
um acordo: devolve a tiara caso ele a leve para ver de perto as “lanternas flutuantes” que iluminam o céu uma vez ao ano, sempre na data do aniversário dela.

enrolados (4)Daí para frente, Enrolados segue a fórmula consagrada das animações dos estúdios Disney: muita cantoria, situações cômicas bem boladas, personagens secundários adoráveis (como o cavalo Maximus, que tem um espírito canino, e o camaleão Pascal, que conquista o público com seus trejeitos humanos), uma boa dose de aventura para agradar os meninos e um tanto de romance para fazer as meninas exclamarem: “Ooooh, que fofo!”.

O apuro técnico da animação (é só reparar nos detalhes do cabelo de Rapunzel) é impressionante, e a construção dos personagens é genial. Afinal, quem imaginaria uma princesa de contos de fadas bipolar? Outro destaque é Gothel, uma vilã cuja semelhança física com a cantora Cher é espantosa. Ela já pode ser alçada ao primeiro escalão de malvados criados pela Disney, onde também estão a madrasta da Branca de Neve e Scar, o tio de Simba em O Rei Leão.

enrolados (3)Há tempos a Disney buscava resgatar com sucesso sua fórmula tradicional de desenhos infantis. Fracassos de bilheteria como Planeta do Tesouro, Atlantis e Nem Que a Vaca Tussa pareciam apontar para o fim de uma trajetória brilhante. Enrolados veio para reverter esse quadro. Orçado em 260 milhões de dólares, o filme arrancou da crítica e do público uma série de elogios, e até a primeira quinzena de janeiro arrecadou uma soma superior a 350 milhões de dólares. Merecidos.

Mais um golaço fica por conta do bom uso do efeito 3D. O recurso não rouba a cena, tampouco desvia o foco do que realmente importa: a história. Muitos dirão que Enrolados ainda não simboliza o máximo do entretenimento infantil como as histórias de Pinóquio ou Alice no País das Maravilhas. Balela. O filme é a prova de uma recuperação vigorosa da Disney e mostra que até os melhores do ramo aprendem com erros do passado.

O melhor? Deixou aquele delicioso gostinho de quero mais.

Galeria de fotos:

  • enrolados (1)
  • enrolados (2)
  • enrolados (3)
  • enrolados (4)
  • enrolados (5)

Deixe um comentário:



Buscar

Notícias

Newsletter

Assine e receba as novidades da revista em primeira mão.



Publicidade


Revista Cabeleireiros.com

Login Cadastre-se