Matéria da Revista Cabeleireiros.com - Edição 16

ImprimirRudi Werner - Talento em Dobro

Avalie: 12345

Radicado no Rio de Janeiro desde 1984, o gaúcho Rudi Werner, além de cabeleireiro talentoso se tornou um exemplo de empresário bem-sucedido.

Com o talento para a coiffure correndo nas veias – seu avô também era cabeleireiro –, mãos habilidosas, apurado senso estético e tino comercial, ele conseguiu montar a Werner Coiffeur, uma das maiores redes de salões do Brasil. São 26 salões no Rio de Janeiro e mais três unidades em outros Estados: uma na cidade de Santo Cristo (RS), outra em Vila Velha (ES) e uma terceira em Ribeirão Preto (SP). Mas, para se tornar um megaempresário da beleza, Rudi precisou trabalhar duro, pois o sucesso não veio tão fácil. Hoje, aos 46 anos, casado e pai de dois meninos, o gaúcho da pequena cidade de Canoas comanda ainda a Werner Academia, um centro de treinamento para 400 alunos.

Com apenas 23 anos, ele montou seu primeiro salão em Canoas, sua cidade natal. “O espaço era mínimo – 60m² – e só cabia um lavatório, uma cadeira para corte, um espelho e uma mesinha para a atendente”, relembra. Para atrair a clientela, muitas vezes, cortava cabelo até de graça. E para que os clientes não suspeitassem da penúria em que se encontrava, ele dizia que havia encomendado os móveis, mas que a loja ainda não tinha entregado. Naquela época, apesar de ter feito um curso no Senac, ainda faltava muito para se tornar um bom cabeleireiro.

Hoje, sem o menor pudor, ele confessa que aprendeu muita coisa com uma cliente exigente. “Era uma mulher sofisticada e bem informada. Percebi que sabia mais do que eu e passei a fazer o que ela mandava. Assim, entre erros e acertos, acabei aprendendo”. Essa mesma cliente deu outras lições para Rudi Werner. E a maior delas foi a tolerância. “Um dia, me atrasei para atendê-la e ela ficou zangada. Então, aos gritos e descabelada, me tascou um tapa na cara”, conta ele. Em vez de expulsar a descontrolada do salão, ele simplesmente fingiu que nada tinha acontecido. “Esfriei a cabeça e ponderei que não valia a pena perder aquela cliente”, diz.

Werner não media esforços para se tornar conhecido: cortava cabelos das sete da manhã às 11 da noite. Chegou a ter 27 funcionários. Cresceu tanto profissionalmente que a cidade de Canoas se tornou pequena demais para ele. Decidiu então aceitar um convite para trabalhar em um salão brasileiro em Los Angeles. Mas teve seu visto negado. Aconselhado por um amigo viajou então para o Rio de Janeiro, na tentativa de conseguir no Consulado carioca a permissão para entrar nos Estados Unidos. Chegou cheio de sonhos e dólares – “oito mil verdinhas, para ser exato”, relembra. O dinheiro e o sonho acabaram quando foi roubado por um conterrâneo. “Não sobrou sequer um dólar!” Mas resolveu trabalhar feito louco, para recuperar pelo menos parte do que perdeu. Logo, juntou um dinheirinho e entrou como sócio em um salão de Ipanema. Novamente, o destino lhe deu uma rasteira. Dois meses depois a sócia sumiu, deixando somente dívidas para ele honrar. Pagou a todo mundo e logo conseguiu alugar um novo ponto.

Passados 21 anos, ele ri de tudo o que passou quando chegou ao Rio. Os obstáculos foram vencidos com muita garra. A mesma garra que o tornou cabeleireiro de atrizes de TV, como Samara Felippo e Susana Werner, e o levou a comandar a rede Werner Coiffeur, que atende mais de 60 mil clientes por mês. Mas Rudi não pára por aí. Além do projeto de expandir a rede Werner Coiffeur pelo Brasil, ele sonha em montar um salão em Paris e, assim, poder morar quatro meses por ano na capital francesa. Alguém duvida que ele vá conseguir?


Maior defeito: Ansiedade
Maior qualidade: Perfeccionismo
Prato: Sushi
Bebida: Vinho
Lugar: Paris
Pessoa(s) que admira: Jacques Dessange
Ídolo: Phill Colins
Saudade: "Da época em que eu tinha apenas um salão"
Profissional de beleza que admira: Richard Metairon
Crítica: Pouca preocupação com o próximo
Livro de cabeceira: As Sete Leis Espirituais do Sucesso
Frase: "Nunca desista"

Deixe um comentário:



Buscar

Notícias

Newsletter

Assine e receba as novidades da revista em primeira mão.



Publicidade


Revista Cabeleireiros.com

Login Cadastre-se