Matéria da Revista Cabeleireiros.com - Edição 50

ImprimirVermelho de...

Avalie: 12345

ruivasSexies, badalados e adorados a entre as famosas, os cabelos ruivos – naturais ou não – nunca estiveram tão na moda!

texto: Eder Garrido | fotos: divulgação

Há dois anos, a revista National Geographic divulgou que menos de 2% da população mundial é naturalmente ruiva. De acordo com a publicação, o baixíssimo índice deve-se a uma mutação no norte da Europa, ocorrida há milhares de anos. A globalização e a miscigenação tornaram o gene raro e, segundo estudiosos, os ruivos podem desaparecer antes de 2060. Os menos alarmistas preferem acreditar que o gene permanecerá inativo durante algumas gerações, mas voltará a se manifestar.

De acordo com a hairstylist Neiva Dias, a mutação nos cromossomos que constituem os cabelos ruivos altera dois pigmentos responsáveis pela coloração: a feomelanina, de cor avermelhada ou amarelada, e a eumelanina, que gera as tonalidades castanhas ou pretas. Outra peculiaridade das pessoas com fios vermelhos é a menor quantidade de fios.

Isso, no entanto, não quer dizer que os cabelos ruivos são frágeis. Ao contrário! Eles são grossos e possuem uma tendência a acumular oleosidade na raiz e ter as pontas ressecadas. Por isso, seu maior problema é o sol, responsável por acelerar a oxidação e a perda da cor.

Para esse público, profissionais recomendam a utilização diária de produtos para cabelos mistos, além de hidratações quinzenais com cosméticos sem óleo. Há quem defenda também a utilização periódica de tonalizantes para reavivar a cor. No caso dos vermelhos coloridos, Cris Dios, cabeleireira do Salão Laces and Hair, lembra da importância da manutenção da cor ser feita a cada 20 ou 30 dias e da necessidade de evitar lavagens com água quente.

É tendência!
A maioria das mulheres combina com cabelos ruivos; a questão é escolher a cor de acordo com a pele. Atualmente, os alaranjados são populares, e encaixam-se com perfeição nas mulheres com sardas. Já para as morenas, os vermelhos fechados são uma boa opção. As negras podem investir em mechas acobreadas. Para aquelas com tom da pele claro e pálido, Neiva sugere os tons acobreado-claros ou vermelho-amarronzados. As bronzeadas e rosadas ganham um realce com ruivos avermelhados ou intensos.

Por esses tons estarem mais populares do que nunca, inclusive entre famosas como Rihanna, Marina Ruy Barbosa, Isla Fisher e Christina Hendricks, não faltam morenas e loiras querendo abraçar o visual vermelho. No caso das primeiras, é necessário fazer uma análise do fio. “Se ele for castanho, natural ou tonalizado, a coloração pode ser aplicada diretamente”, diz Neiva. Do contrário – e isso também vale para os cabelos pretos –, antes da tintura é vital realizar uma decapagem para a remoção de pigmentos. Nas loiras, se o tom natural for muito claro, o ruivo pode desbotar depressa. A solução? Fazer uma pigmentação prévia com ativos avermelhados e só então utilizar a cor ruiva.

Um produto ainda comum entre as ruivas – e candidatas – é a henna, por seu caráter natural. Alex Moura, do La Vie Centro de Estética e Beleza, também recomenda o uso do produto em mulheres com até 50% dos cabelos brancos, desde que bem distribuídos. “Ao formar uma película protetora na cutícula do fio, a henna dá um resultado bastante satisfatório a cabelos de tonalidades claras. Ela potencializa a cor, hidrata e dá brilho, mas deve ser usada com cautela”, aconselha Cris. Não é recomendável a mistura com corantes químicos, pois as reações resultam em cores indesejadas e, talvez, esverdeadas. Outro ponto desfavorável se refere à baixa durabilidade da cor, no máximo 20 lavagens. Logo, a cada 15 dias, deve ser feita uma nova aplicação.

Para evitar o desbotamento, os profissionais recomendam o uso de produtos específicos para cabelos tingidos e aconselham evitar xampus de limpeza profunda – os famosos antirresíduos –, por serem demasiadamente agressivos. Finalmente, jamais se deve abrir mão de leave-in com filtro solar. Seja por meios naturais, seja por métodos artificiais, os ruivos vivem um novo apogeu, e as clientes só têm a ganhar adotando o estilo. Cabe aos profissionais ajudá-las.

Confira também:

Produtos Maxiline

Galeria de fotos:

  • Colcci | SPWF primavera-verão 2012

Deixe um comentário:



Buscar

Notícias

Newsletter

Assine e receba as novidades da revista em primeira mão.



Publicidade


Revista Cabeleireiros.com

Login Cadastre-se